Por Que O Pão Rústico É Um Dos Pães Mais Saudáveis?


Um dos alimentos mais antigos da história da humanidade é o pão. Ele é, inclusive, citado recorrentemente em vários livros religiosos e históricos. O pão rústico é um dos pães mais saudáveis que temos hoje, mas você sabe por quê?

Vivemos em uma sociedade completamente apaixonada por pães. É até mesmo difícil conhecer alguém que consiga ficar vários dias sem comer um pão que seja.

A boa notícia é que você não precisa ficar passando vontade. Afinal, existem opções ótimas para consumir sem engordar ou prejudicar a saúde. Mas antes, será que você sabe dizer o motivo do pão rústico ser tão saudável? A seguir você vai descobrir.

O que é o pão rústico?

O pão rústico é um dos mais antigos. Ele é feito através de uma fermentação de grãos milenar.

2 Presentes + Acesso VIP GRÁTIS!

Cadastre-se e recebe agora 2 Books com 20 Receitas Caseiras SUPERSUCOS + 14 Práticos Chás TERAPÊUTICOS + Acesso VIP Premium.

envelope
envelope

É provável que tenha surgido no antigo Egito, 1500 A.C, tendo sido, por muito tempo, o pão mais consumido, até que os padeiros modificaram sua receita há alguns séculos (1).

Esse pão tem a massa aumentada durante o processo de fabricação graças à fermentação. Isso acontece pela produção de gás que surge a partir desse movimento.

Normalmente os pães comerciais utilizam fermento industrial na fabricação. Mas no caso dos pães rústicos é necessário usar o que chamamos de fermento selvagem, que é bem mais forte. E isso porque esse fermento resiste melhor às condições ácidas. Isso faz com que ele seja mais poderoso, no sentido de aumentar a massa.

Além disso, as bactérias de ácido lático que ele contém também estão em produtos fermentados, como o iogurte, chucrute, picles e kefir.

Para a fabricação do pão rústico é necessário o uso desse fermento, farinha e água. É preciso ainda acrescentar açúcares à massa na medida que ela é preparada. Apesar de demorar para fermentar, é a fermentação que faz com que ele tenha uma textura única. E isso é muito desejada em regiões como o Mediterrâneo e o Oriente Médio.

É possível encontrar alguns tipos de pães rústicos em lojas e supermercados. Porém a maioria não passa por esse processo especial de fermentação, o que os torna menos benéficos.

Conteúdo nutricional do pão rústico

Para entendermos porque o pão rústico é tão saudável é necessário compreender sua composição. Assim, é possível ver qual seu conteúdo nutricional. Abaixo, os dados indicam seu teor nutricional por fatia (2):

  • 162 calorias;
  • 32 g de carboidratos;
  • 4 g de fibras;
  • 6 g de proteínas;
  • 2 g de gordura;
  • 22% do RDI de selênio;
  • 20% do RDI de ácido fólico;
  • 16% do RDI de tiamina;
  • 16% do RDI de sódio;
  • 14% do RDI de manganês;
  • 14% do RDI de niacina;

O pão rústico é mais nutritivo que o pão comum

O pão rústico normalmente é preparado com a mesma farinha usada em outros tipos de pão. No entanto, é o seu processo de fermentação que melhora sua qualidade nutricional.

Os pães integrais contém uma enorme quantidade de minerais e vitaminas. Porém a absorção desses nutrientes fica comprometida pela ação de um ácido conhecido como ácido fítico (3). Os derivados desse ácido são considerados anti nutrientes. Ou seja: eles reduzem a capacidade do organismo de absorver os nutrientes que precisa.

No caso do pão rústico, as bactérias de ácido lático fazem com que o pH do pão diminua. Isso degrada o ácido fítico e seus derivados. Sendo assim, o conteúdo desse ácido se torna menor e o pão se torna mais nutritivo (4).

A fermentação do pão rústico faz com que a quantidade de ácido fítico presente nele caia pela metade, se comparado com outros pães (5).

Além disso, pesquisas indicam que as bactérias do ácido lático desse tipo de pão liberam antioxidantes no processo de fermentação. E estes são elementos importantes para a saúde do organismo (678).

Outro ponto interessante é que, por ser fermentado por mais tempo, esse pão fica mais saboroso e tem uma textura melhor. Desse modo, as pessoas o consomem levam mais nutrientes e fibras para sua alimentação.

O pão rústico ótimo para pessoas com intolerância a glúten

Quem sofre com intolerância a glúten com certeza deveria preferir o pão rústico. Afinal, ele é muito mais fácil de ser digerido. Segundo pesquisadores, isso se deve a quantidade de prebióticos e probióticos que há em sua composição.

Os prebióticos são fibras não digeríveis, que ajudam a alimentar as bactérias do intestino. Já os probióticos são bactérias prontas, que fazem bem ao organismo e são facilmente encontradas em alimentos e suplemento. O consumo constante de ambos faz um bem enorme ao processo digestivo (9).

Além disso, a fermentação do pão rústico ajuda a melhorar a digestão, porque ela faz com que o glúten seja degradado mais facilmente (10). Para quem não sabe, fica a explicação: o glúten é uma proteína encontrada em vários grãos que atrapalha a digestão de pessoas que tem intolerância ou alergia a ele.

Os níveis de intolerância e alergia variam, mas os sintomas, de modo geral, são os mesmos: dores estomacais, inchaço, diarreia e constipação. Há uma clara piora na qualidade de vida (11).

Se você está entre as pessoas que são sensíveis ao glúten, saiba que pesquisas mostram que esse pão será muito mais adequado para você.

O pão rústico ajuda no controle de açúcar no sangue

Se você quer saber porque o pão rústico é um dos pães mais saudáveis deveria se lembrar do que acontece quando consumimos um pão normal, cheio de carboidratos.

Os níveis de glicose no sangue se elevam assustadoramente. Isso não acontece no caso do pão rústico, porque ele diminui a entrada de açúcar na corrente sanguínea de maneira bastante eficaz (1213141516).

Outro ponto favorável ao consumo do pão rústico nesse sentido é que as bactérias orgânicas que ele produz quando fermentado atrasam a chegada do alimento ao estômago. Isso faz com que os níveis de açúcar demorem a se elevar (17).

Sendo assim, fica claro que aqueles que consomem pães rústicos acabam apresentando níveis mais baixos de açúcar no sangue. Além disso, também têm menos quantidade do hormônio insulina, o que significa que esse pão é melhor, se você quer evitar males como diabetes ou obesidade (18, 19202122).

Como preparar o pão rústico?

Por mais incrível que pareça, o preparo do pão rústico é mais prático do que você imagina. Além disso, é uma delícia fazer pão em casa e certamente você vai curtir demais o processo. Confira:

  1. Assistindo este vídeo você aprende como começar esse pão;
  2. Misture parte do que você desenvolveu com o vídeo em farinha e água, deixando repousar por algumas horinhas, para depois acrescentar sal;
  3. Em seguida, dobre a massa algumas vezes, para depois deixá-la descansar por mais meia hora. Repita o dobramento e mantenha em repouso depois, e assim sucessivamente. O objetivo é deixar a massa cada vez mais elástica;
  4. Depois deixe a massa crescer em temperatura ambiente. Você verá que ela vai praticamente dobrar de tamanho;
  5. Em seguida forme o seu pão e coloque-o para assar;
  6. Depois que o pão rústico estiver assado, espere 3 horas para cortá-lo;

Desenvolver o início da massa é um pouco complexo e pode pedir de três a cinco dias da sua dedicação. Porém, depois que estiver pronto, você poderá fazer vários outros pães e massas.

Sim, porque essa parte inicial dura bastante e rende muito também. Então você não precisará ter esse mesmo trabalho sempre que desejar fazer um novo pão. Quando estiver afim de repetir a dose, basta pegar o que sobrou na geladeira e refazer todo o processo que ensinamos anteriormente.

Nutritivo e saboroso

O pão rústico de fato é muito mais nutritivo do que o pão convencional, e não é por acaso que ele existe há tantos séculos, desde o Egito antigo.

Seu sabor e textura são inigualáveis, até porque o tempo que ele passa fermentando é muito mais longo do que o tempo que outros pães. Não é por acaso que ele é o preferido em vários lugares do mundo.

Além disso, ele é o pão mais nutritivo e menos calórico que você vai encontrar. Não apenas isso, mas ele também é adequado até para aqueles que sofrem com intolerância ao glúten e ajuda de verdade no controle do açúcar no sangue, sendo perfeito para quem não quer engordar e para aqueles que tem medo de desenvolver diabetes.

  • Achei maravilhoso, eu que como pão integral, como eu procuro esse pão em mercados, eles parece aqueles pão italiano. Que nome procuro

  • Nalva,
    Obrigada, você pode procurar por pães a base de grãos milenar, ele é bastante comum em loja de produtos naturais.

  • Infelizmente as padarias não tem conhecimento suficiente para lidar com a saúde dos clientes. Fazer em casa, é uma mão-de-obra e tanto!

  • Simplesmente M A R A V I L H O S O. Eu adoro pão mas já havia desistido de comê-lo. Agora minhas manhãs ficarão mais alegres. Um pedaço desse pão de manhã hummmmm tudo de bommmm ,de ótimo!!!
    Obrigada Dr. Nature

  • Achei incompleto, sem a receita em detalhes.
    O vídeo está em inglês com legenda em inglês.
    Sem tradução.
    ?????

  • Muito interessante, mas não consegui abrir o vidio com as orientações iniciai do pão rustico. Por gentileza gostaria de receber orientações sobre o preparo inicial do pão grato

  • Queria saber algum produto natuaral p Síndrome de Meniere que causa zumbido,tontura e labirintite.Obrigada

  • >
    WordPress Video Lightbox