17 Maneiras Naturais De Se Livrar Da Náusea




Eveline Miranda
Comentários, deixe o seu!

A náusea é comum e pode causar grande desconforto nas pessoas. Além da gravidez, existem outras situações que podem estimular essa desagradável sensação. E, por isso é importante conhecer maneiras naturais de se livrar da náusea quando ela vier incomodar.

Especialmente para quem não é fã de medicamentos, os remédios feitos para aliviar a náusea podem ter efeitos colaterais igualmente desagradáveis. Um deles, por exemplo, é o excesso de sono – e não é sempre que podemos lidar com ele. Porém, existem opções naturais que resolvem o incômodo sem consequências.

Neste artigo mostramos 17 maneiras naturais de se livrar da náusea. Elas são as principais e mais efetivas, segundo estudos e pesquisas que comprovam sua eficiência. Confira:

1. Consuma gengibre

O gengibre é funcional e famoso no trato da náusea. E isso mesmo que seu funcionamento nesse aspecto ainda não tenha sido 100% compreendido. Pesquisadores atestam sua eficiência e afirmam que ele atua como os medicamentos específicos para o caso (12).

Seu consumo é extremamente recomendado por grávidas, que diminuem suas náuseas durante a gravidez. Pessoas em tratamento de quimioterapia também se beneficiam de sua ação (2, 3456 , 789).

O gengibre não tem efeitos colaterais. Ele age de forma igual a um medicamento alopático. A dose usada nos estudos foi entre 0,5 a 1,5 g da raiz seca de gengibre. Porém não há uma dose ideal definida para o tratamento da náusea (1011). A dose só deve ser cuidadosa em quem possua problemas cardíacos ou diabetes.

Algumas opiniões também se dividem na hora de falar sobre o consumo de gengibre na gravidez. Mesmo que seus efeitos colaterais tenham sido estudados e não tenham atingido níveis preocupantes, o ideal é consultar seu médico (13121314).

2. Faça aromaterapia com hortelã-pimenta

A aromaterapia de hortelã-pimenta tem sido avaliada como positiva e funcional através de estudos. Sendo uma excelente forma de aliviar a náusea, seu cheiro se mostrou mais eficaz do que medicamentos e placebo (15).

Outro estudo apontou eficácia de 57% na aromaterapia. Já um terceiro estudo usou um inalador para direcionar o aroma e teve uma eficácia de 44% nos casos.

Em outra pesquisa, a aromaterapia de hortelã-pimenta foi eficaz na redução da náusea em 57% dos casos (16). E em outra, o uso de um inalador contendo óleo de hortelã-pimenta no início da náusea reduziu os sintomas em 44% dos casos (17).

Especialistas sugerem que o chá de hortelã pode ter efeitos similares à aromaterapia no tratamento contra a náusea. Mesmo que não seja comprovada, essa opção é uma medida de emergência funcional.

Os efeitos da aromaterapia de hortelã-pimenta foram adicionados em pílulas. Estas se mostraram eficazes e não demonstraram efeitos colaterais. No entanto, ainda existem poucas informações sobre quão segura é sua ingestão (1819).

Essa é uma boa opção. Porém ainda são necessárias mais informações sobre os resultados finais antes de poder ser realmente afirmado sua eficácia.

3. Aposte em acupuntura ou acupressão

Ambas as técnicas são famosas e eficazes no tratamento de náuseas e vômitos. A inserção de agulhas finas em pontos chave do corpo – ou sua pressão – estimulam e bloqueam determinados efeitos no organismo. E um deles é a náusea.

Os tratamentos são feitos a partir do estímulo das fibras nervosas. Estas enviam mensagens à medula espinhal comandada pelo cérebro. Especialistas afirmam que são esses sinais que diminuem, de fato, a náusea (2021).

Pacientes operados foram capazes de se livrar da náusea com uma eficácia de 28 a 75% com a ajuda da acupressão e da acupuntura, segundo um relatório recente (2223).

A similaridade com o efeito de medicamentos também foi observada. Isso prova que esses métodos são tão funcionais quanto a alopatia (23).

A acupressão também foi diretamente conectada à prevenção de náuseas após sessões de quimioterapia. Já a acupuntura se mostrou mais eficaz para tratar náuseas em grávidas (242526). O ponto P6 se mostrou essencial em estimulação, sendo chamado de ponto de acupuntura Neiguan (27).

Essa estimulação pode ser feita por conta própria. Basta posicionar o polegar a dois ou três dedos abaixo do pulso, em sua parte interior, acessando dois tendões que ficam aparentes nesse local. Pressione essa região por um minuto e repita o procedimento no outro braço.

4. Corte um limão

O corte do limão libera cheiros cítricos que comprovadamente eliminam os sintomas de náuseas em grávidas esse método pode ser funcional com as náuseas causadas por outros motivos.

Cerca de 100 grávidas comprovaram isso ao inalar essências de limão após uma crise de náusea. Os efeitos foram reduzidos após 4 dias. A amêndoa, por outro lado, não se mostrou funcional nesse aspecto. A redução total foi de 9% em relação ao placebo de amêndoa (28).

O corte ou raspagem da casca de limão libera aromas semelhantes aos dos óleos essenciais usados no teste. Assim, ele pode atuar como uma das maneiras naturais de se livrar da náusea. Você pode também adquirir um frasco de óleo de limão para esse fim.

5. Controle sua respiração

Inspirar e expirar lenta e profundamente se mostrou um método eficaz na redução da náusea. O método foi comprovado por um estudo que aliou essa técnica ao uso de aromas diversos.

Como o estudo envolvia placebos, mostrou-se que grande parte da funcionalidade na hora de aliviar a náusea se deu por conta do controle da respiração. Os aromas também possuíram efeitos, mas a respiração foi o ponto chave (29).

Em um segundo estudo, foi possível confirmar que a aromaterapia tem efeito independente à respiração. Assim, cada uma funcional à sua maneira. A respiração obteve uma taxa de funcionamento de 62% nos casos estudados, se provando eficiente (16).

Para respirar de forma eficaz é necessário inspirar contando até três, segurar a respiração por mais três segundo e expirar numa contagem de três.

6. Use especiarias específicas

Algumas especiarias são usadas desde tempos antigos como formas naturais amenizar a náusea. E por isso são populares e eficazes em seu tratamento.

Mesmo não sendo todas as especiarias comprovadamente funcionais, três delas passaram por estudos e demonstraram reduzir os seus sintomas:

  • Erva-doce em pó: usada por mulheres em seu período menstrual, ela alivia cólicas e náuseas (30);
  • Canela: tarata náusea, cólica e enjoo com efeitos cientificamente comprovados (31);
  • Extrato de cominho: alivia a náusea e também é eficaz contra a diarreia, dor abdominal, constipação e algumas doenças (32).

Os estudos ainda são poucos.Porém já demonstram a eficácia de se apostar em maneiras naturais de se livrar da náusea, como as especiarias. Também é importante pautar que as doses analisadas vão de 180 a 420 mg por dia.

7. Relaxe seus músculos

Essa se mostrou uma maneira funcional de aliviar a náusea, contando com o chamado relaxamento muscular progressivo (RMP). Ele induz pacientes a relaxarem a musculatura de forma sequencial, atingindo não só efeitos no corpo como também na mente (33).

Uma revisão de estudos apontou o relaxamento muscular progressivo como funcional em pacientes que apresentavam náuseas advindas de processos de quimioterapia (34).

Outro estudo apontou para esses pacientes a eficácia da massagem, outra forma de relaxamento muscular. Massageando o braço e a perna por 20 minutos, resultados com até 24% de eficiência foram atingidos (35).

8. Tome suplemento de vitamina B6

A vitamina B6 tem se tornado popular, atuando como uma forma alternativa aos medicamentos – especialmente em grávidas que desejam evitar seu uso.

Ela é vendida como um suplemento chamado de piridoxina. E, segundo estudos, é eficaz para tratar grávidas com náuseas constantes. Por isso, ela tem sido recomendada por médicos como um tratamento em situações leves (363738394041).

O consumo de até 200 mg por dia da piridoxina é recomendado e não traz nenhum efeito colateral. Sendo seguro para grávidas, ele é recomendado para qualquer paciente que sofra com os enjoos (4142,1243).

As dicas acima atuam de forma específica no tratamento da náusea. Porém, o ideal seria evitar ao máximo vivenciar esse tipo de desconforto. Dessa forma, algumas opções apontadas como funcionais pela ciência podem ser aplicadas para investir em qualidade de vida (4445).

9. Evite alimentos muito gordurosos

carne de porcoDeixar de lado alimentos muito gordurosos e picantes tem se mostrado realmente muiti eficaz na prevenção da náusea.

Alimentos como batatas, bananas e arroz diminuíram as chances de irritação no estômago e acabaram por prevenir desconfortos.

10. Consuma proteína

Refeições ricas em proteína combatem a náusea e ajudam você a se sentir saciado, especialmente em relação à carboidratos e gorduras (46).

11. Coma mais vezes

Comer mais vezes ao dia em menores porções é extremamente mais eficiente contra a náusea do que consumir grandes pratos poucas vezes ao dia. Invista nisso e previna a náusea.

12. Não deite após as refeições

Indivíduos que costumam se deitar após as refeições se mostraram mais propensos a ter um estômago irritado. Assim, prefira se manter em pé após as refeições.

13. Não beba enquanto come

Evite o consumo líquido junto às refeições. Esse hábito pode encher demais o estômago e estimular sensações desagradáveis de náusea ou refluxo.

14. Beba bastante água

Invista em beber bastante água como uma das maneiras naturais de se livrar da náusea, uma vez que a desidratação se mostrou um impulso para seus sintomas.

Aposte no consumo de água especialmente se suas náuseas incluírem vômitos, pois nesse caso é necessário repor a água perdida.

15. Não abuse de perfumes

Odores fortes também podem ser agravantes da náusea, especialmente em mulheres grávidas. Então evite desconfortos e não abuse de perfumes, desodorantes, aromatizantes caseiros e outros aromas fortes.

16. Cuidado com suplementos de ferro

Mulheres grávidas, em especial, devem evitar o uso de suplementos de ferro, uma vez que eles se mostraram – através de estudos – passíveis a piorar os sintomas da náusea (47).

17. Aposte em exercícios

Se você tem náusea com frequência, pode investir em exercícios funcionais contra ela, como a ioga e algumas opções de exercícios aeróbicos (4849).

Vale ressaltar que a maioria dessas últimas dicas são mais informais. Mesmo assim, elas representam pouco risco como maneiras naturais de se livrar da náusea e podem ser experimentadas sem medo.

  • Compartilhe:
Gostou?
Deixe seu comentário!